The Great Gatsby: All about Daisy Buchanan!

Moda por Nanda
3/mai
2013

Finalmente, o filme The Great Gatsby, dirigido por Baz Lurhmann, está pertinho de ser lançado no próximo dia 10 de Maio nos EUA e lá pra Junho aqui no Brasil. Eu simplesmente AMO outros dois filmes dele – Romeu + Julieta e Moulin Rouge – daí estou na maior expectativa desse ser mais um filmão!

Nós sabemos que Baz é famoso por pegar histórias românticas e de época, para recria-las no seu próprio universo fantasioso e com um toque contemporâneo, embaladas por músicas bem atuais. Já deu pra perceber que espero várias licenças poéticas no visual e na trilha para incorporar o mood festivo e sofisticado dos anos 20. Amores complicados, personagens dúbios, cascatas de champanhe em taças perlage e muitas, muitas, muuuuitas joias e vestidos estonteantes fazem parte da trama.

O filme é baseado no livro de F. Scott Fitzgerald que narra a epopeia amorosa entre Jay Gatsby e Daisy Buchanan, interpretados por Leonardo DiCaprio e Carey Mulligan.

Não foram medidos esforço nas parcerias firmadas para caracterizar todo o esplendor da delicada, enigmática and rica Sra. Buchanan. Vamos ver os detalhes maravilhosos do look do dia figurino?

Uma das parcerias mais interessante foi com a joalheria Tiffany. Eles abriram seus arquivos, permitindo que peças originais e até pratarias fossem utilizadas, além de criarem joias exclusivas, especialmente as de Daisy.

A opulência foi tanta que a própria Carey Mulligan disse em uma entrevista que, ao usar joias tão bonitas e valiosas, chegou a mudar a forma de se portar da personagem.

Entre longos colares de pérolas de muitas voltas e vários anéis de brilhantes, duas peças são as mais impactantes: a tiara e o ornamento de mão, ambos cravejados de diamantes e pérolas, claro, absolutamente incríveis!

Essas e outras peças fazem parte da coleção Jazz Age Glamour que está a venda pelo site ou na icônica loja da 5ª Avenida em NY. Vale reparar que a maioria das peças tem motivos florais, referencia à Daisy, que significa margarida em inglês.

Para combinar com a riqueza das joias, a figurinista Catherine Martin se juntou a nada mais nada menos que Miuccia Prada para desenvolver parte da roupas. Estou louca para ver os vestidos ultra femininos cobertos por cristais, paetês e franjas, em tecidos nobres como seda, veludo e peles (de verdade?!).

A influência do estilo de época é forte, mas Miuccia disse em uma entrevista que não se deixou limitar, incorporando outras referências, como os arquivos relativamente recentes da Prada e Miu Miu.

Por exemplo, o inesquecível chandelier dress que a Daisy usa em uma das festas, modelo que lembra um candelabro de cristais, foi livremente inspirado na coleção primavera/verão 2010 da Prada, mas com a bossa à la garçonne necessária.

Falando em Vogue, Carey Mulligan é capa da edição americana de Maio, com direito a um editorial belíssimo clicado por Mario Testino. Por causa do frizon gigante em torno do filme, não poderia faltar a influencia art déco.

Chanel, Miu Miu, Nina Ricci e Alexander McQuenn foram alguns dos escolhidos para representar a elegância e luxuosidade dos 20′s e de hoje nas fotos.

Se você também ficou encantada pelo figurino do filme e estiver passando por NY até 12 de Maio, vale a pena visitar a exposição Dress Gatsby. Os vestidos mais lindos utilizados no longa ficarão expostos na loja da Prada (575 Broadway). Depois, uma esticadinha para window shopping na Tiffany para conferir a vitrine comemorativa com as joias estonteantes.

Posts Relacionados:

4 Comentários

  1. Oiiiie, tudo bem flor? Quanto luxo encontrei por aqui, uiiiiiiiiiiiiii. Fiquei tonta com tanta beleza viu. Parabéns pelo seu cantinho. Amei, bjkas e um excelente final de semana pra ti.

    • Nanda
      Nanda comentou:

      Oi Ryta!

      Com certeza o filme promete ser um luxo só! Estou doida para ver!
      Tudo de bom pra vc tbém =)
      Beijos

  2. Nossa, ando muito ansiosa para assistir o filme! Primeiro, eu amo o livro, segundo, acho os filmes do Baz Lurhmann lindíssimo também, mesmo não sabendo muito bom vai te deixar respirando ofegante de tão bonito que ele é. Acho a história linda e saber que ela ficaria muito mais glamurosa com tanta marca fazendo parte do filme me deixou mais inquieta ainda, e ah, a Carey tá sempre linda, mas esses vestidos.. meu deus, não dá vontade de querer que todo mundo se vista assim de novo? Queria muito ser rica ou ter pelo menos feito esse filme porque roupa dos anos 20 até os 50 são as coisas mais lindas e femininas do mundo! :)

    Amei seu post, Nanda!

    • Nanda
      Nanda comentou:

      Valeu Tany!

      Concordo contigo, dá vontade de ver o mundo bem vestido assim, só no glamour!!! Com trilha de jazz pra completar bonito!
      A história, os atores, o diretor e o estilo, tudo isso tbém me deixa louca de vontade para ver o filme. Chega logooo!

      Beijos

Deixe o seu comentário:

*obrigatório